Viver@UK

Entreajuda entre portugueses no Reino Unido

NEWS
Assina a petição “Também somos Portugueses”
Assina a petição “Também somos Portugueses” em http://tambemsomosportugueses.org
5 de maio: eleições locais no Reino Unido
5 de maio: Eleições para Parlamento da Escócia, Assembleia...

Os primeiros passos

Para quem não conhece o Reino Unido, ou apenas veio cá de férias, há muitas dúvidas legítimas sobre o que fazer quando se toma a decisão de ir viver no Reino Unido. Quais são os primeiros passos a dar? Por onde começar?

As portas estão abertas

Ao contrário de muitos outros, os Portugueses começam com uma vantagem: tal como os outros habitantes da União Europeia, têm automaticamente direito de viver e trabalhar cá, não precisando de vistos nem de autorização. Portanto, o primeiro passo é agarrarem no computador e começarem logo á procura de emprego nos ínumeros sites
(ver mais abaixo). Podem fazê-lo a partir de Portugal, pois as primeiras entrevistas costumam ser telefónicas.

Preparação e especialização

Há muitos empregos no Reino Unido. A especialização é muito maior que em Portugal. Um bom currículo direccionado para uma área específica, ajuda muito. Ou vários, cada um dirigido para a sua área. Pretender que são bons em tudo aqui não funciona, dizer que fazem qualquer trabalho é o mesmo que dizer que não bons em nada. Vejam os sites de emprego e descubram aquilo em que são melhores.

Documentos

No Reino Unido não há documento de identificação oficial, mas aos estrangeiros é comum pedirem o passaporte. Se só tiverem o Cartão de Cidadão não ficam excluídos de nada, mas ter o Passaporte simplifica muito, é um documento que os britânicos conhecem.
O outro documento necessário é o National Insurance Number, que serve simultaneamente de Número de Segurança Social e de Número de Identificação Fiscal.
Mas só é realmente pedido quando se arranja emprego, portanto não se procupem muito. A página  “National Insurance” explica como obter o National Insurance Number. O processo passa pela marcação de uma entrevista, e é necessário dar uma morada no Reino Unido.

A primeira morada, o comprovativo de morada, e a conta bancária

A procura de emprego funciona muito melhor se tiverem uma morada e um telefone britãnicos no CV. Peçam a um amigo para usarem a morada deles e lhe enviar um cartão para o telefone. Há uns gratuitos que se carregam pela internet.
O comprovativo de morada é usualmente pedido quando normalmente o primeiro obstáculo. Como o obter se ainda estão em Portugal, ou se estão já cá mas em casa de amigos, ou num quarto alugado, sem contas de electricidade nem de água?
O mais fácil é começar com abrir uma conta num banco britânico, dando a morada da vossa casa ou quarto por cá, ou do dito amigo. A documentação é enviada para a morada que derem, e pronto, com a aconta aberta já têm um comprovativo de morada.

Se estiver complicado arranjar um comprovativo de morada britânico, pode-se abrir a conta com uma morada portuguesa, e um “mailing address” britânico. Só é preciso o cartão de cidadão e a carta de condução.  Em 3/4 dias o banco envia uma carta para o “mailing address”.
Há vários graus de complicações no processo de abertura. O LloydsTSB costuma ser razoavelmente simples.

One thought on “Primeiros passos

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *